ShareThis

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Manifestações/Movimentos/Organizações Sociais no Mundo Conteporâneo

O mundo já teve o tempo de manifestações importantes, aquelas que mudaram como o mundo pensa e o nosso modo de vida, e, mais importante, tinham algum propósito - por exemplo, as primeiras greves operárias, os hippies na década de 60 e 70 (só nessas), a desobediência civil de Ghandi, entre tantas outras. O próprio Movimento Cultural Splatter já lançou várias campanhas com renome internacional (não que renome internacional valha alguma coisa).
Agora, porém, a população beira à imbecilidade e idiocracia, uma vez que a população, em sua maioria, pertence à espécie homo inabilis sapiens. As manifestações de hoje, quando não têm um carácter egoísta, não possuem objetivo e/ou método eficiente. Vamos ver do fútil ao corrompido:

(manifestação conteporânea de estudantes)

☻ A primeira manifestação aqui comentada é a "A Hora do Planeta". A primeira hora do planeta aconteceu dia 28 de março de 2009. Seu objetivo é lembrar as pessoas da preservação da natureza: apagaram as luzes dos principais monumentos e tentaram convencer as pessoas a fazerem o mesmo em suas casas durante uma hora.
Onde erra: passou menos de um mês, mas a maioria já se esqueceu. Daqueles que ainda se lembram, quase nenhum fez qualquer ação. Não passou de um marketing publicitário falho de traidores que se renderam a Terra.
Site:http://www.earthhour.org/home/

☺ A segunda manifestação já é mais conhecida (por incrível que pareça): trata-se do "Dia do Pulo". Definiu-se um dia para que se todos pulassem no mesmo instante. Assim, a Terra mudaria sua órbita, acabando com o aquecimento global.
Onde errou: na divulgação de uma teoria sem nenhuma base científica, a dificuldade técnica de sincronizar o pulo, o contador do site era falso (site que hoje nem existe mais) e acusou, quase na hora de um dos pulos, que 50% dos usuários da internet navegavam ali, além de que o ato é muito idiota (razão principal de ter acabado).

☻ A manifestação de maior importância nos meios pré-universitários é o movimento "pró-thinner", organizado por pessoas que ainda não atingiram a maioridade (pelo menos mental) com objetivo de criar um país livre para se cheirar thinner sem preconceitos.
Onde erra: Não há preconceito contra cheiradores de thinner, é um conceito bem-formado: se você cheira thinner, você é um perdedor!

☺ Temos também o "Zombie Walk", onde pessoas vão para a rua andar como zumbis, todas juntas.
Onde erra: tem mesmo como acertar?


☻ O antigo "Movimento Estudantil", composto por estudantes. Objetivo principal: legalizar a maconha.
Onde erra: ver este post

☺ O recém-chegado ao Brasil "Pillow Fight". Aqui, as pessoas se reunem para uma guerra de travesseiros.

Onde erra: ao deixar alguém com mentalidade de 3 anos organizar um evento.





☻ Os "Sindicatos dos trabalhadores" -que originalmente eram movimentações/organizações de cunho social- cujo objetivo é (era) defender os direitos dos trabalhadores.
Onde erra: Eles até começaram bem, defendiam os direitos e tal. Todavia, esse perfil bonzinho não durou muito tempo. Não demorou muito para que os sindicatos se enchessem de "trabalhadores" que não querem trabalhar, mas mamar do dinheiro que vem dos demais trabalhadores, que são obrigados pelo governo a pagar aos sindicatos, mesmo se escolherem não participar. Os discursos dos líderes sindicais são inflamados de política que normalmente não importa a ninguém senão eles mesmos.

☺ O último da lista e o mais arrojado: o movimento "No Pants". O objetivo do movimento é abolir o uso de calças em favor do conforto.
Onde erra: fazem isso até em dias frios.
Site:http://www.nopantssaopaulo.com.br/




Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

  ©Movimento Cultural Splatter - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo