ShareThis

terça-feira, 28 de julho de 2009

O Sagüi Fala e você escuta: Contém Ironia.

Eu andei dando uma olhada nos comentários nos posts: alguns me fizeram rir, outros me fizeram raiva, uns de uma natureza tão infantil e idiota que me fez sentir mais vergonha da minha espécie que o normal. No começo, eu achei que as pessoas estavam sendo irônicas como nós, depois, eu comecei a achar que a raça humana estava voltando a forma de símios mais simples, mais depois de um tempo, eu vi a verdade. Boa parte dos que comentam aqui (quem conseguiu ler até aqui sem procurar pelo dicionário nenhuma vez não se inclui nesse grupo) tem um problema bem grave, eles são incapazes de entender o conceito da IRONIA.


Um grande problema pra você que quer desfrutar da comédia perspicaz que este blog apresenta, mas não se preocupe o seu amigo o Sagüi está aqui para lhe ajudar.

A comédia é uma arte menosprezada, porém uma das mais complexas, ela é a arte do absurdo. Toda boa piada se trata de algo comum em um contexto incomum, quando aquele padre entrou naquele bar você nunca esperava que ele tirasse a roupa, por isso você riu, ou se sentiu ofendido, sei lá. Essa é à base da comédia, algo comum é apresentado e algo incomum é introduzido depois, este contraste é a comédia.


A Ironia faz parte da comédia, mas é uma parte mais sofisticada. Requer que aquele que tenta fazer aqueles ao seu redor rir seja, no mínimo, inteligente, para ser efetivo com sua ironia, a pessoa precisa falar algo que para os ouvintes seria absurdo, mas falar de maneira em que a sua entonação e jeito na hora de dizer faça com que a ironia seja perceptível. Se você for muito óbvio na ironia, uma parte da graça vai embora, se for óbvia de menos a pessoa vai achar que você realmente quis dizer o que disse (que pode trazer sérios problemas com a lei quando se faz tantas piadas de aleijados e negros quanto eu).


(sofisticado)


A ironia é uma das formas mais refinadas de comédia. Porém ela geralmente requer que o ouvinte consiga ver e ouvir o “comediante”. Passar a ironia através da escrita, seja por meio de um dialogo no MSN ou em um blog, não é fácil. Não tentem, mais de uma conversa com a minha namorada saiu de maneira equivocada pela impossibilidade de se usar entonação nesse meio, por algum motivo você sempre parece meio insensível quando fala sobre padres aleijados e a sua piscadela no fim da frase é feita por um smile. Você precisa de que os seus leitores sejam capazes não só de entender o que você escreveu, como o significado também.


Se você escrever um artigo sobre meio ambiente, por exemplo, certifique-se que as pessoas entenderam que você não realmente planeja a destruição global (é mais pra dominação), e que o seu texto é um texto irônico. Pegue um tema abrangente, bastante debatido, que use algo comum e lhe dê uma forma engaçada ( o meio ambiente e as pessoas lutando para ajudá-lo), e coloque-o em um contexto incomum( alguém lutando contra o meio ambiente).


Sei que o nosso blog não é grande coisa, não é um expoente da comédia e cultura (ainda não), porque então nós devemos ser flagelados com tantos comentários idiotas. Eu sei que isso é a internet e eu deveria ficar feliz pela falta de ameaças e Rick Rolls, e por nenhuma organização ter nos prendido/suicidado ainda, só gostaria de um comentário que não parecesse escrito por uma criança acéfala.


E lendo os comentários sobre os textos deste blog eu não pude deixar de perceber que o grande problema é que as pessoas simplesmente não entendem o conceito de ironia, contudo, agora você já entende um pouco mais sobre a nossa amiga a Ironia, é um leitor mais esclarecido e de preferência vai parar de deixar comentários como o do jovem anônimo português no post do homem vs Terra. Sério, eu sei que é uma grande tentação quando escondido atrás de anônimo falar asneiras, no entanto, tente se conter.


E lembre-se, quem ri por ultimo, provavelmente riu só pra você não se sentir mal sobre sua piada sobre um padre negro, aleijado e nu em um bar.


(um padre negro e aleijado entra em um bar e ............)



Este post não se refere ao Bonde da Estronda e aos comentários sobre ele, o Bonde da Estronda é o que aconteceria se Câncer anal se propagasse pelo ar, e qualquer um que aprova a sua "música" deveria ser eliminado, pois eu garanto que mesmo surdo Beethoven se recusaria a ouvir. E para aqueles que acham, que é preconceito e que cada um deve ser livre pra ouvir o que quer, lembre-se, preconceito é quando você julga algo baseado em um conhecimento superficial (conhecer profundamente essa coisa provavelmente causa algum tipo de tumor). E o fato dessa banda ser nojenta é um conceito muito bem formado e estruturado. Se é pra ouvir essa porcaria, então sua liberdade deveria ser revogada.

Continue lendo >>

segunda-feira, 20 de julho de 2009

FELIZ DIA DO AMIGO!

Continue lendo >>

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Novos estilos para a nova geração.

Uma nova geração está chegando. Essa geração já provou que as músicas tradicionais como clássica, ópera, canto gregoriano, blues, rock, jazz, bossa nova, chorinho, mpb, soul, funk anos 70, dance, metal (e todas as variações) e também o pop, pop rock, j-music, samba, pagode, axé, rap, techno, trance, sertanejo, forró, gospel, mística, reggae, congo, brega não são suficientes. Recentemente lançaram a música emo, música stronda mas ainda sim não foi o suficiente.
A solução encontrada pelos os músicos foi criar algo novo misturando o quê já existia. A exemplo da Coca Cola que misturou dois estilos completamente diferentes para alcançar um patamar jamais alcançados. As duplas que participaram foram: Charlie Brown Jr e Vanessa da Mata, Dj Marlboro e Natiruts, Chitãozinho e Xororó com Fresno e por último Banda Calypso e Paralamas do Sucesso.
O aclamando latino lançou em 2008 um CD chamado junto e misturado, onde ele faz duplas com diversos músicos aclamados brasileiros com os mais diferentes estilos.
Um estilo novo, uma mistura de emo (só que mais animado) com eletronico com pop, marca essa geração coca com fanta. É o novo powerpop, totalmente diferente do powerpop do passado, tem a intenção de mostrar uma proposta diferente, um quase punk não depressivo. Os destaques nacionais para esse estilo são a banda Cine e a banda Restart.
Outras bandas com propostas diferentes que vale citar aqui são a "Attack attack!", que mistura gultural com emo com techno; e Brokencyde com seu estilo techno/pop/core.
Como um post musical não pode faltar as música:
Banda Cine - Garota Radical:


Attack Attack! - Stick Stickly:



Brokencyde - Freaxxx:



Muita coisa nova está chegando, essas bandas nos dizem um pouco das novas tendências e do futuro da humanidade. Até o próximo post.

Continue lendo >>

sexta-feira, 3 de julho de 2009

CineTrash Review: Caçadores de Ninja (1987)

Como alguem pode encontrar palavras de tamanha, beleza, leveza para descrever uma obra de arte tão maravilhosa?

O Filme começa com uma missão suicida a um laboratório científico. Praticantes corrompidos da arte do Ninjutsu roubam uma fita com informações cruciais (que ficava escondida muito secretamente nuuma gaveta aleatória) sobre um experimento genético. Eles matam alguns guardas e ,com extrema presteza e habilidade, vazam escalando as paredes de forma que só os verdadeiros mestres de Mortal Kombat conseguiriam.

Enquanto isso, o Coronel, está jogando golfe traquilamente em uma no campo quando, do nada, nijas (vestidos de preto no sol escaldante) tentam pegá-lo de surpresa. Mas como bom cidadão americano bem previnido, O Coronel saca sua Escopeta do porta-tacos e oblitera os arrupiões.
Quando o Coronel fica sabendo da verdadeira intenção dos ninjas, ele revela que as informações na fita,em mãos erradas pode foder toda a plantação dos EUA.

Eis que O Coronel(o nome dele nunca é revelado) contacta dois agentes extperts, Sonny e Dennis e solicita que eles vão a Tawian porrar os ninjas.
O encontro dos dois, logicamente, deveria ser prático, do tipo:" Vá ao Restaurante do Senhor Shitake e encontre com Dennis lá"

Porém, para dar graça ao filme, o plano foi bem mlehor:
Sonny, vá a Taiwan e abra uma academia de boxe, depois de um tempo, você será famoso atrará vários clientes e Dennis vai ficar sabendo de você.
Um plano genial que só o mestre O CORONEL poderia ter.
Bom, a partir daí uma sucessão de bizarrices sem escrúpulos acontecem. Diálogos fraquíssimos, edição porca e um enredo imprestável rodeia um filme.

Eles encontram uma gratoa, Manji, num restaurante e descobrem que ela é trabalha pra organização Sakura, mas qeur sair de lá, nesse ponto a criatividade e genialidade do file fica evidente em diálogos como:
- Manji, podemos te fazer algumas questões?
- Certamente.
- Achamos que você pode nos ajudar com as respostas.
(ORLY)

Após porrar alguns ninjinhas de meia-tijela, o duo fantástico encontra Sugyiama, o tio dessa bela ragazza que esnsina aos ocidentais e à sua sobrinha as artes fodas do Ninjutsu. É óbvio que depois de um treinamento curto e muito sagaz (só comparado ao de mestre Yoda ao jovem Luke) a dupla gringa se torna os Deuses do Ninjinha. A porrada se torna mais frenética e coisas sobrenaurais acontecem, como a habilidade que Sonny e Dennis adiquirem em usar a bombinha de fumaça e, do nada, aparecerem com um uniforme completo ( e escrotizado) de ninjas coloridos, com direitos a máscaras de demonho e tudo.

O filme vai se desenrolando bisonhamente até o final apoteótico da luta da Dupla dinâmica e Manji contra o grande e foda mestre ninja do mal da sakura. Vejam, é uma Handicap Match e eles não esculambam o SUPERMASTER, o cara realmente manda bem.
Depois da luta (que não descreviremos aqui porque é boa demais e deve ser assistida), finalmente a fita retorna às mãos do CORONEL, que destruirá a fita ou a usará de acordo com seus próprios planos?
Confira o trailer:

http://www.youtube.com/watch?v=8fafRT85boU


Veredito:
Atuação Nojenta, Edição escrota, diálogos terríveis. resumindo é um filme que NÃO PODE DEIXAR DE SER ASSISTIDO.
Chuck Connors aparece como o nome principal do filme, mas ele aparece só uma três vezes. Mas se destaca.
Nota SPlatter: 7,645

Continue lendo >>

  ©Movimento Cultural Splatter - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo