ShareThis

domingo, 24 de abril de 2011

minha igreja é o metal!

E tenho dito!!

Continue lendo >>

amigo slowbro


Continue lendo >>

amigo slowbro


Continue lendo >>

amigo slowbro


Continue lendo >>

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

#toliminado


@DiscoLee O Corinthians tinha um sonho... aí veio o Ronaldo e comeu ele, rs
@decicote Vou fazer como o corinthians; vou sair mais cedo pra não incomodar ninguem....Até mais gente. boa noite.
@digocarvalho Tolima 2 x 0 Tolinhos
@ocriador Corinthians, uma palavra de origem bíblica, refere-se aos habitantes da cidade grega Corinto e significa Sem Libertadores.
@claroRonaldo galera, tudo pronto.tenho fe q vai dar tudo certo .vamos deixar nosso sangue ,nosso suor e nossa alma pra sair com a classificacao. (antes do jogo)

TROLLIMA



Continue lendo >>

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Quem as Mulheres Querem Agradar?

É de conhecimento geral que mulheres se importam com sua aparência muito mais que os homens (ou pelo menos a maioria). Ainda que, quando jovens, parte dos homens tentem se manter com músculos e com cabelo arrumado para mante-lá, uma hora ele relaxa (ou desiste) e a famosa barriguinha aparece. Nem o tempo nem a cerveja perdoam.

Existem três coisas que a mulher quer agradar com a aparência e o corpo, dependendo da ocasião e do seu ciclo menstrual. São elas:
  • Ela própria: mulheres possuem um ego altíssimo e estão dispostas fazer coisas absurdas (como entrar em regimes absurdos ou bater uma calcinha menstruada no liquidificador para uma simpatia/macumba) apenas para se agradar, ainda que não agrade mais ninguém e/ou não fez bem para ela. Casos extremos podem levar a anorexia nervosa, bodybuilding ou a síndrome da titia solteira rebelde/hippie.
Bodybuilding Feminino- Só é bonito na cabeça delas
  • Outras mulheres: mulheres estão sempre competindo umas com as outras. Elas inspecionam as "rivais" em busca de algum defeito, conferindo item por item minuciosamente. Assim, na cabeça delas, elas tem que estar preparadas para vencer. Aqui entra a maquiagem, os acessórios inúteis que só sabem brilhar, o esmalte, o vestido e todas essas coisas desnecessárias. O tamanho certo do peito e da bunda são de grande importância e questão de muita inveja, ao contrário dos homens que geralmente não comentam muito sobre o tamanho com exceção a casos extremos. A obsessão pelo tamanho faz as mulheres implantarem silicone, gordura ou mesmo usar o produto chinês a seguir:
  • Os homens: seja por instinto ou afeto, ocasionalmente elas criam um desejo de atrair um cara (ou mais dependendo do nível de piriguetismo). Em casos de extrema necessidade elas são capazes até de andar em frente a uma obra apenas para receber um elogio de pedreiros. Mostras da vontade de agradar os homens são enchimento exagerado dos peitos e da bunda, a depilação de parte íntimas e o uso de produtos como o seguinte:
Essas sabem o que fazem

Para mais informações sobre dietas sem comprovação científica e que pode te matar, entre no site http://www.copacabanarunners.net/regimes.html
ou consulte um nutricionista e faça exercícios regulares.

Continue lendo >>

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Magali surtada

O que acontece quando alguma das comidinhas da Magali é, por engano (ou não) um bolinho adulterado?



DORGAS

Continue lendo >>

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Contra a censura dos jogos de videogame no Brasil

De Marcus Rangel


Um projeto de lei, no mínimo ridículo está rolando. É o projeto de lei n° 170/2006, que proibe a comercialização de vários títulos da indústria dos videogames.

Descrição: O Projeto de Lei altera a Lei n˚ 7.716, de 5 de janeiro de 1989, no Art. 20 (aprovado pela PL n˚ 9.459, de 15 de maio de 1997). O projeto inclui nos crimes de discriminação, fabricar, importar, distribuir, ter em depósito ou comercializar jogos de videogames ofensivos aos costumes ou às tradições dos povos, bem como seus cultos, credos, religiões ou símbolos, se tornem crimes previstos com pena de reclusão de 1 (um) a 3 (três) anos e multa, agravado de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, caso sejam divulgados por qualquer meio de comunicação. O Senador acredita que tais jogos para videogame vinculem idéias e mensagens preconceituosas incompatíveis com a ordem constitucional e jurídica brasileira.
Como podem perceber, é um projeto que visa punir quem fabricar, importar ou distribuir jogos considerados ofensivos pela justiça. Só que esse ofensivo é meio arbitrário, não? Lembrando que já temos uma classificação etária para os jogos eletrônicos e de RPG.

Eu fico sempre muito curioso em relação a esses projetos de lei que demandam tanto esforço para uma censura equivocada.

O fato é que No dia 20 de dezembro de 2010, o projeto de lei 170/2006 estava pronto para pauta na comissão, a fim de ser discutido e, possivelmente, aprovado. Seguindo para Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, o projeto visa a proibição da distribuição de alguns títulos da indústria dos videogames no Brasil.

Por isso a Level Gamer lançou uma campanha chamada Revolta Gamer. Para participar, basta colocar a hashtag #RevoltaGamer em seus tweets, a fim de chegar ao Trending Topics.

Além da campanha do Twitter, um abaixo-assinado está disponível para todos que quiserem ir contra o projeto de lei. Basta preencher o formulário.

Continue lendo >>

sábado, 15 de janeiro de 2011

AS DORGAS

Engraxate se expressando quando questionado se sabe o que os trafcantes poem nas drogas:



"se vc, Gabriela, descobrir o q eles põe nas droga, cê me avisa que eu vou tentar fazer também... pq.. ehhh... assim que a gente ganha... uma vida na vida, tá legal?"


Continue lendo >>

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Vamo zuá Direito

A arte da zoada é algo valioso. Muitas pessoas são extremamente engraçadas, piadistas, oportunistas, zé-bocetas, prezando a zoada no nível elevado.

Outros no entanto...

Continue lendo >>

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Welcome to the Jungle: Brinquedos Infelizmente Inesquecíveis

Ontem, saudável como sou, fui comprar Pringles nas Lojas Americanas quando olhei para o lado e vi um sujeito com um Skate Malhação e pensei: “Esse sujeito um dia olhará para trás, sentirá muita pena de si mesmo e ódio de seus pais por permitirem essa loucura”.

Poderia ser pior. o Fiuk poderia estar estampado nele


Pois então, pensei que o mercado de brinquedos está errado desde que eu me entendo por gente e isso é muito sério. Quem não se lembra dos brinquedos da Barbie ou do Barney ou alguma coisa idiota desse tipo? Tudo isso é bem estranho, mas às vezes atinge níveis absurdos tipo isso:

Só procurei "brinquedos da Xuxa" no google e veio isso


É muito triste. A Xuxa não deveria ter brinquedos dela e não é pelo fato de que seu programa era cheio de mulheres seminuas que rebolavam de forma sexual enquanto crianças indefesas tipo eu, o White Billy e o Sagui éramos obrigados a tornar-se o que somos hoje. (risos)

Não são atrizes pornôs dos anos 80. Essas pessoas se chamavam "paquitas" e HOJE são atrizes pornôs


A questão é que ela simplesmente não é legal. Ela não voa, ela não corre, ela nem é engraçada, sei lá, ela nem faz aquela coisa de cuspir até o chão e puxar de volta. E tudo o que se aplica a ela vale pro Gugu. Esse cara é simplesmente o paladino da destruição moral futura das crianças, pois bem-aventurados aqueles que não tiveram um Gogoball. E não vem fingir que não sabe o que é um Gogo ball seu putinho!

lembrou, né?

Cara, o Gugu é UM APRESENTADOR, PORRA! Ele não solta laser dos olhos, ele não tem super-força e ele ainda cantava uma desgraça de música do pintinho. PINTINHO? Que homem de verdade canta uma música do pintinho? Isso era errado!! E num adianta dizer que era bom e eram brinquedos inocentes e a porra toda não. EU sou inocente, caralho, isto aqui você chama do que quiser:

Prova da banheira. O objetivo era pegar um sabonete... Acho que você já está vendo onde está o sabonete

É por isso que eu sou assim hoje! Eu sou uma estranha combinação de patinete, ponte do rio que cai e prova da banheira. Mas poderia ser pior. Eu fico feliz de pelo menos ter tido os trapalhões na minha infância, ao menos hoje eu chego no bar e peço leite de cabra e quando o garçom diz que não tem eu digo "Deus é testemunha que eu queria leite". Só é meio chato pensar no futuro, pois o que se tornará o cara do skate da malhação ou aquelas crianças que assistem ao homossexual Backyardigans ou ao pedófilo lazytown (que por sinal merecem um post só pra eles)?

Esse Alce é Viado

isso aqui é aquilo que você acha que é


Mais uma vez termino com meus sinceros votos de que o mundo seja destruído em fogo e enxofre o mais rápido possível, antes que essas crianças cresçam e tornem-se presidentes.


OBS: As opiniões do Jungle não são necessariamente as mesmas do Movimento Cultural Splatter como um todo, afinal todos sabem que a mente do Jungle é infestada de depravação, teorias de conspirações malucas e violência gratuita....
e ninguém mais do Splatter é assim...


Continue lendo >>

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Welcome to The Jungle – Tá foda, mas há esperança


Hoje assisti ao filme 72 Horas, que talvez até mereça comentários futuros, e percebi mais umavez o poder de uma boa música no momento certo. Não me refiro só aos filmes. Imagina pegar aquela garota de quem você gosta há dois anos ao som do Compadre Washington gritando “olha o Quibe”! Seria terrível.

(Sem comentários)

Várias vezes vimos como músicas podem ser decisivas pra alguém, afinal vocês não acham que Rocky venceu o "Clubber" Lang com determinação, força de vontade e treinamento, né? Claro que não! Ele escutou Eye of the Tiger e encheu aquele cara de bolacha.





http://www.youtube.com/watch?v=M_ab6hZUfy0

E ninguém acredita também que o Obi-Wan conseguiria cortar o piru do Anakin sem aquela música fodarassa do confronto mais esperado de todos os tempos que o Jonh Willians gastou nove meses pra fazer. E, piegas ou não, metade dos nossos pais não teria chegado nas nossas mães sem Every Breath You Take ou sem aquela cena ridícula do Patrick Swayzee da Demi Moore fornicando no meio do barro com aquela música que desconheço o nome mas que sei que você sabe qual é.

(Higiene na hora H é pros fracos!)

Isso tudo me faz pensar mais uma vez no futuro. Esses dias assisti Duro de Matar 4.0, que terminou ao som de “Fortunate Son” do Creedence... aquela de 1969 (!!), mas o que o diretor ia fazer? Colocar Justin Bieber é que não ia! Cara, a gente ta mesmo fodido, porque isso é mais sério do que parece. Eu não quero meus filhos casando ao som de Restart e ou ser atropelado e morrer na hora que um cara esteja tocando um funk. Isso seria terrível. Acho que a gente nem encontra a luz ou Deus nem te aceita nos portões do paraíso se uma merda dessa acontece.

Apesar disso tudo, ainda há um pouco de esperança. Como ia dizendo, vi 72 Horas e tinha uma boa música (e isso é difícil de escutar de alguém que nunca gostou de música eletrônica) do Moby, que até então eu desprezava, mas como fiz uma certa pesquisa, descobri que ele pegou a Amidala e, como você, eu respeito MUITO um cara que pega a mulher do Darth Vader.

(Musa Nerd e Mulher do Darth Vader)

A música tema do filme é Mistake, que talvez nem seja lá tudo isso e é meio batida, é verdade, mas que casou perfeitamente com andamento do ótimo filme. Aliás, o filme não parecia prometer absolutamente nada, com o clássico enredo da pessoa normal que tentar tirar da cadeia alguém que ama e, claro, é inocente. No entanto, de forma verdadeiramente original, o filme relata a execução dos planos do protagonista com a mesma habilidade de falar do cotidiano feita em Chash-no limite (do mesmo diretor) e é exatamente isso que confere à trama uma enorme verossimilhança, ou seja, você acredita mesmo que aquela porra é possível.

Me dói um pouco dizer isso, mas a situação está tão crítica que talvez não possamos mais esperar algo de bom apenas de onde estamos habituados a esperar e, talvez no futuro, até a Miley Cyrus possa nos oferecer algo de bom. Tá legal. Não é pra tanto.

Cacete! O nome da Hannah Montana não é Hannah Montana (????????????)! Putz... O Google Às vezes me mata.

Continue lendo >>

  ©Movimento Cultural Splatter - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo